Risco de novo deslizamento ameaça segurança de moradores no Morro da Boa Vista


Em pronunciamento na sessão desta quarta-feira (21/06), na Câmara de Vila Velha, a vereadora Patrícia Crizanto (PMB) informou ao plenário sobre o risco de um novo deslizamento de pedra no Morro da Boa Vista, na região de São Torquato:  “Hoje de manhã (21), recebemos o relato de um morador do bairro, expressando grande preocupação com a possibilidade de deslizamento de mais uma pedra no Morro da Boa Vista, conforme já haviam alertado geólogos e engenheiros, após o deslizamento que ocorreu no dia 1º de janeiro do ano passado. Para justificar sua preocupação, esse morador também nos enviou uma fotografia do local, mostrando rachaduras na pedra, que realmente colocam em risco a segurança da comunidade”, disse a vereadora. 

Diante da situação, Patrícia Crizanto – que criou e preside, na Câmara de Vila Velha, a Comissão Especial de Mapeamento das Áreas de Risco e de Vulnerabilidade Ambiental no município, a primeira no Estado a realizar esse tipo de estudos – acionou imediatamente a Defesa Civil Municipal, que por sua vez, acionou a Defesa Civil Estadual: “Juntos, conseguimos autorização da Polícia Militar para que o helicóptero da corporação sobrevoasse o local, permitindo que engenheiros da Defesa Civil pudessem avaliar a situação. O relatório desta análise deverá ser apresentado nas próximas horas”, informou ela.



Ainda em seu pronunciamento, a parlamentar pediu apoio aos demais vereadores de Vila Velha, na luta por novas obras de contenção e intervenções preventivas no Morro da Boa Vista, para evitar um outro desastre natural na comunidade, onde moram 12 mil moradores. "Vale lembrar que existem 17 áreas de risco já mapeadas em nossa cidade, envolvendo principalmente encostas e locais propensos a alagamentos. Por isso, além de contar com a atuação dos membros da nossa Comissão Especial – os vereadores Mirim Montebeller (PTN), Dona Arlete (PSL), Anadelso Pereira (PSDC) e Heliosandro Mattos (PR) – gostaríamos de contar, também, com o apoio e a participação de todos os demais parlamentares desta Casa de Leis. Afinal, trata-se de um problema da cidade, que diz respeito a todos nós”, disse Patrícia Crizanto.



Em seguida, a vereadora também informou ao plenário sobre sua recente viagem a Brasília, onde visitou o Ministério da Integração Nacional para solicitar a ajuda da União, por meio de uma parceria com a Prefeitura de Vila Velha, visando à elaboração de um projeto de prevenção contra desastres naturais no município: “Esse projeto – envolvendo obras e ações preventivas nos locais de risco situados em encostas, fundos de vale, regiões planas abaixo do nível do mar e áreas localizadas às margens de cursos d’água – deve ser providenciado o mais rápido possível e enviado ao Ministério da Integração, para tentarmos garantir a liberação de recursos federais, em favor de Vila Velha, para esta finalidade”, adiantou. 

 

OCUPAÇÕES IRREGULARES

 


Aparteando o discurso da colega, o vereador Osvaldo Maturano (PRB) registrou seu reconhecimento ao trabalho que Patrícia Crizanto vem realizando, na luta em defesa dos moradores de áreas de risco e de vulnerabilidade ambiental no município, e informou ao plenário sobre os estudos realizados por ele e sua equipe, acerca da dívida histórica – principalmente em relação à falta de pagamento de IPTU – que moradores de grandes áreas de Vila Velha ainda têm, com a PMVV, devido à irregularidade na situação fundiária dos imóveis que ocupam. 

“Essa é uma situação antiga, que até hoje não foi resolvida pela Prefeitura de Vila Velha. Na tentativa de reverter este quadro, ainda na Legislatura anterior, conseguimos a liberação de uma área com mais de 14 mil metros quadros, que pode ser destinada à construção de novas moradias populares, dignas e devidamente regularizadas, visando possibilitar a transferência das famílias que ainda ocupam áreas de risco na cidade, principalmente no Morro da Boa Vista, onde a situação é mais urgente. Este projeto não avançou, por isso, quero passar esta informação à atuante vereadora Patrícia Crizanto, que exerce forte liderança em Vila Velha, para que juntos possamos intensificar esforços com o objetivo de transferir as pessoas daquele local para um lugar mais seguro”, propôs Maturano. 

Assista o vídeo abaixo e confira, na íntegra, os discursos de Patrícia Crizanto e Osvaldo Maturano:



Departamento de Comunicação
Câmara Municipal de Vila Velha 
Editor Chefe: 
Claudio Figueiredo
Jornalista: Kárita Iana
Imagens/vídeo: Eder Denadai
Fotos: Schenilton Carvalho
Tel.: 
(27) 3349-3252
comunicacao@vilavelha.es.leg.br