Serviço “Bike Vila Velha” já deverá funcionar no próximo verão

por Claudio Figueiredo publicado 09/08/2017 23h30, última modificação 10/08/2017 12h21

 

Segundo informou o vereador Bruno Lorenzutti (Podemos), na sessão desta quarta-feira (09/08), o edital de concorrência pública para a contratação da empresa que vai operar o “Bike Vila Velha” – serviço de aluguel de bicicletas –, já foi aberto pela PMVV e até o próximo verão este projeto deverá estar em pleno funcionamento: “Fico feliz com esta notícia porque a proposição que criou o ‘Bike Vila Velha’ é de nossa autoria. Posso adiantar que, inicialmente, o sistema contará com 20 estações e um total de 200 bicicletas para locação. Mas esta estrutura poderá ser ampliada em um segundo momento, dependendo da demanda pública pelo serviço”, esclareceu o parlamentar.  


“CICLISTAS NÃO TÊM ONDE GUARDAR

SUAS BICICLETAS”, LAMENTA CHIABAI


 


Aparteando o pronunciamento de Bruno Lorenzutti sobre o “Bike Vila Velha”, o vereador Ricardo Chiabai (PPS) fez um registro importante em plenário: “Quero chamar a atenção desta Casa de Leis para um problema enfrentado pelos moradores de Vila Velha que já possuem bicicletas: a falta de bicicletários. Não existe na cidade,  nem mesmo na orla, nenhum lugar que possa ser usado pela população, para guardar suas bicicletas. Estamos falando sobre este assunto deste a legislatura passada, já cobramos providências à Administração, mas nada aconteceu até agora. Mesmo com as ciclovias, o que continuamos vendo em Vila Velha são bicicletas acorrentadas em árvores, postes e até em placas de sinalização vertical. Por isso, quando ouço falar do ‘Bike Vila Velha’, imediatamente lembro da falta de paraciclos”, disse. 


CONTRAPARTIDA


 

 

Respondendo ao questionamento do colega Ricardo Chiabai, o vereador Bruno Lorenzutti retomou a palavra e propôs: “Realmente, esta é uma questão importante. Por isso, me coloco à disposição de Chiabai para que, juntos, possamos procurar o prefeito Max Filho e falar sobre a construção desses bicicletários na cidade, que inclusive foram previstos em um projeto de lei do próprio Chiabai. A implantação destes equipamentos pode, até por exigência contratual, ser feita pela mesma empresa que vencer a licitação do sistema ‘Bike Vila Velha’. A empresa poderá instalar os paraciclos públicos ao lado das estações do sistema, a título de contrapartida, e sem nenhum custo para a prefeitura”, sugeriu. 


MAIS 1.000 NOVOS EMPREGOS EM VILA VELHA


 


Ainda durante seu discurso, o vereador Bruno Lorenzutti anunciou em primeira mão, no plenário da Câmara de Vila Velha, a chegada de um novo empreendimento para a cidade: a planta de expansão industrial e comercial da empresa Autoglass, especializada em fabricação, venda e instalação de vidros para veículos automotores.

 

 

Segundo Lorenzutti, o grupo emprega atualmente 5.750 funcionários em todo o Brasil, sendo que quase 1.800 trabalham em Vila Velha. “Esta expansão poderia acontecer em qualquer outro lugar do país, mas o grupo Autoglass escolheu nosso município para receber este importante investimento, que vai gerar mais 1.000 novos empregos e cujas instalações vão ocupar uma área de 40 mil metros quadros na região da Avenida Lindenberg”, informou.

 

Confira este discurso na íntegra, assistindo o vídeo a seguir:

 

 

Departamento de Comunicação
Câmara Municipal de Vila Velha 
Editor Chefe: 
Claudio Figueiredo
Jornalista: Kárita Iana
Imagens/vídeo: Eder Denadai
Fotos: Schenilton Carvalho
Tel.: 
(27) 3349-3252
comunicacao@vilavelha.es.leg.br